Alguns casos tratados com o método até hoje:

  • obesidade
  • comorbidades
  • sindrome metabólica
  • diabetes
  • hipertensão
  • hérnia de disco
  • curados de câncer
  • pós operado de fratura do fêmur
  • idosos
  • triatletas 
  • corredores
  • condicionamento
  • stress
  • tenistas
  • ciclistas
  • insônia
  • ansiedade
  • artrose
  • artrite

O volume, a intensidade e a combinação dos exercícios caracteriza o treino para diferentes perfis de pessoas e necessidades. 

Para todos os casos há benefícios se o exercício for antiinflamatório, o que se atinge respeitando ritmo e limites, progressão natural de volume e intensidade e descanso (é durante este último que o corpo reconhece o estímulo e se fortalece, melhora, adapta, desenvolve, evolui). 

Investir em bem estar gera mais dele. Escolher um local que o agrade e aceitar trabalhar pelo seu objetivo, é o trabalho mais delicado. A elaboração do programa a partir do objetivo estabelecido, animadora e dedicada. Trabalhar de fato é o que faz a diferença.